BLOG

Explore as novidades

Imagem destacada
ABRIR
Mais temas

Consumo de açúcar merece atenção

Práticas, refrescantes e saborosas. As bebidas industrializadas, como refrigerantes, sucos e achocolatados são tentações que escondem um grande perigo: o alto índice de açúcar em suas composições. Por isso, o consumo desses líquidos merece atenção.

Em 2015, a Organização Mundial da Saúde (OMS) passou a aconselhar que o consumo de açúcar seja de, no máximo, 50g (cerca de doze colheres de chá) ao dia, ou seja, 10% do total de calorias (2.000 Kcal) recomendadas para que um adulto ingira diariamente.

Uma lata de refrigerante com 350ml, por exemplo, tem, em média, 37g de açúcar. Um copo de 200ml de néctar de laranja tem 20gr de açúcar. Já, os energéticos têm em torno de 27,5g de açúcar. Adicione essa conta ainda as colheradas de açúcar refinado consumidas com cafés, chás, achocolatados, sobremesas e iogurtes.

O consumo de achocolatados e o câncer

Por isso, a atenção não deve se voltar apenas para o açúcar refinado, no qual está presente a sacarose. Ao longo do dia, um adulto ingere outros alimentos que contêm frutose, maltose, galactose e amido. E nem todas essas calorias são utilizadas pelas células. O excesso é transformado em gordura, contribuindo para o aumento de peso e o desenvolvimento de diversas doenças.

“O açúcar branco e refinado, realmente, não é saudável. Ele está associado ao aumento de peso, obesidade e, consequentemente, diabetes”

alerta o Coordenador do Ambulatório de Diabetes do Hospital Moinhos de Vento, o endocrinologista Guilherme Rollin.

Recomendação é evitar

O especialista destaca que existem evidências científicas de que dietas saudáveis, ricas em vegetais, legumes, frutas e carnes brancas são mais protetoras. Em contraponto, uma alimentação em que refrigerantes, açúcares, doces e carne vermelha são ingeridas em maior quantidade representa um aumento no risco para a ocorrência de doenças cardiovasculares, diabetes e câncer.

“Já se sabe que uma das complicações do diabetes é o câncer. E que a obesidade também representa um fator de risco para o desenvolvimento de diversos tumores”, detalha o médico que desenvolve no Instituto de Educação e Pesquisa (IEP) do Hospital Moinhos de Vento pesquisas clínicas sobre o Diabetes.

A orientação do Dr. Guilherme é que o consumo de açúcar refinado seja evitado. Caso não seja possível, consumido na menos porção possível. E para uma melhora nas questões metabólicas, a prática de atividades físicas é sempre recomendada.

“Adotar uma dieta saudável* auxilia na manutenção da saúde, promove o bem-estar e auxilia na prevenção de diversas doenças, entre elas, o câncer”, aconselha o Dr. Guilherme.

O Diabetes está associado aos cânceres de:

  • Pâncreas
  • Fígado
  • Endométrio
  • Mama
  • Colón e reto
  • Bexiga

*Saiba quais são os alimentos protetores em http://www.hospitalmoinhos.org.br/oncologia/protecao-no-prato/

Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on FacebookEmail to someone
0 comentários

EXPLORE AS NOVIDADES NO SEU E-MAIL

icone-mail Assine nossa newsletter e receba as novidades no seu e-mail.