Saúde & Você

Você já pensou em fazer o seu check-up em apenas seis horas?

A maioria das pessoas acredita que fazer um check-up é apenas se submeter a uma bateria de exames laboratoriais e de imagem. O Ambulatório de Check-up do Hospital Moinhos de Vento existe há 22 anos, sendo pioneiro no Estado. Uma equipe multidisciplinar realiza uma avaliação da saúde do indivíduo de forma rápida e ágil, no período de seis horas, em um único dia. São analisadas as características de acordo com o sexo e a idade e a relação dele com hábitos de vida, antecedentes de saúde e características individuais, familiares, ambientais e profissionais.

Segundo o chefe do Ambulatório de Check-up do Hospital Moinhos de Vento, Dr. Enio Casagrande, conhecer as condições da própria saúde é o primeiro passo para utilizar a informação médica de forma preventiva. O Ambulatório oferece a possibilidade de traçar um mapa do estado clínico, identificando fatores de risco, e definindo atitudes preventivas e metas para manutenção e aprimoramento da saúde.

O paciente recebe atendimento sem deixar o Hospital e faz as consultas, testes laboratoriais, exames de imagem, testes funcionais e outros procedimentos de avaliação em um único turno. Os resultados dos exames clínicos são revisados pela equipe médica do Check-up e informados ao paciente em uma nova consulta. A partir dos resultados é traçado um mapa de saúde com indicações de fatores de risco, atitudes preventivas e metas a serem atingidas. O laudo serve de base para o paciente interagir com o seu médico sobre orientações a respeito de sua saúde.

Caso os exames apresentem alterações, o paciente é orientado procurar seu médico para tratamento. “Fazemos uma avaliação do risco cardiovascular a partir dos escores de risco internacionais e da Sociedade Brasileira de Cardiologia. Ou seja, a estimativa para o risco existente é dado pelo percentual de chances que a pessoa apresenta de ter um evento cardiovascular nos próximos dez anos”, explica o Dr. Enio. Dessa forma é possível informar a um paciente que o seu risco para um evento cardiovascular em dez anos é de, por exemplo, 15% – considerado risco moderado para homens e alto para mulheres.

Plano de ação

Além de todo o processo de acompanhamento pela equipe multidisciplinar, o Ambulatório de Check-up do Hospital Moinhos estabelece um programa de monitoramento (com base nos resultados do check-up e na classificação do risco em baixo, moderado ou alto). Um paciente obeso, por exemplo, poderá receber um plano de ação tendo como meta reduzir o seu peso em 10 % nos próximos 12 meses. Periodicamente a equipe entra em contato com o paciente para saber como está o plano de ação estipulado. Dependendo do resultado pode ser feita uma mudança de rumo no plano de ação do paciente.

Quem precisa fazer um check-up?

Todas as pessoas devem ter conhecimento sobre o estado geral da sua própria saúde. A necessidade de informações para traçar este mapa varia de acordo com a idade, o sexo, os hábitos de vida e o histórico familiar de cada um. No Ambulatório de Check-up do Hospital Moinhos, o médico vai orientá-lo sobre quais exames e testes você precisa fazer para prevenir problemas futuros.

De quanto em quanto tempo é necessário fazer um check up?

O intervalo entre as avaliações varia de acordo com a idade, o sexo, os hábitos de vida e o histórico familiar. De forma geral, pode-se dizer que pacientes de baixo risco podem fazer a avaliação, em média, a cada 3 a 5 anos, enquanto pacientes de alto risco devem retornar em intervalos menores, de acordo com a frequência orientada pelo médico.

Quais exames são feitos em um check-up?

Os exames necessários são determinados na consulta de avaliação com o médico. De forma geral, são realizados testes laboratoriais, exames de imagem, testes funcionais e consultas com especialistas.

Conheça os serviços oferecidos no Check-Up do Hospital Moinhos de Vento:

Clínico Geral: avaliação do estado geral de saúde por meio de levantamento de dados sobre queixas atuais, doenças anteriores, antecedentes familiares, hábitos, condições de trabalho, tensões emocionais, atividades físicas e intelectuais e um exame físico detalhado.

Cardiologia: consiste na realização do Eletrocardiograma e Teste Ergométrico (Prova de Esforço), realizado em esteira rolante computadorizada para avaliação da capacidade aeróbica funcional, detecção de cardiopatias, insuficiência coronariana, hipertensão arterial e arritmias cardíacas.

Dermatologia: exame de pele para detectar a presença de lesões alérgicas, micóticas, senis ou cancerígenas. Foco também no aconselhamento relacionado à prevenção: cuidados com a exposição ao sol e outros agentes nocivos à integridade cutânea.
Oftalmologia: exame das estruturas oculares e avaliação da função visual por meio de testes específicos, podendo detectar precocemente doenças como catarata, glaucoma, alterações da retina, doenças da córnea e distúrbios da visão.

Proctologia: avaliação das funções gastro-intestinais por meio do exame clínico e de imagem, visando à detecção precoce de alterações anais e, principalmente, do câncer colorretal.

Urologia: avaliação do aparelho gênito urinário e função sexual. São coletados dados sobre hábitos, queixas específicas e realizado exame clínico, com o objetivo principal de detectar processos inflamatórios, infecciosos e neoplásicos da próstata, bexiga e rins.

Ginecologia: exame do aparelho gênito urinário feminino e mamas. Realização da colposcopia, coleta de conteúdo vaginal para bacterioscopia, cultura e citologia (Papanicolau). Esta avaliação tem como principal objetivo a prevenção do câncer ginecológico.

Fonte: Dr. Enio Casagrande – Cardiologista do Hospital Moinhos de Vento

Saiba mais visitando a página do Ambulatório de Check-up